• Facebook: ifscitajai
  • Twitter: ifscitajai

Banner

Home
Projeto promove palestras e rodas de capoeira no Câmpus Itajaí PDF Imprimir E-mail

Nesta terça-feira (07), foi dia de conhecer um pouco mais sobre capoeira no Câmpus Itajaí. No período da manhã e da noite, o projeto “Oficina de abadá capoeira – identidade e cultura de um povo” promoveu palestras e rodas de capoeira com alunos e servidores. A proposta é apresentar a capoeira enquanto uma manifestação cultural genuinamente brasileira.

 

O professor de Educação Física e instrutor de capoeira Reinaldo Velasques foi o responsável por fazer um histórico sobre a prática que foi considerada clandestina até 1937. Foi através de um intenso trabalho do mestre Bimba na década de 1930 que fez com que o então presidente Getúlio Vargas reconhecesse a prática como manifestação cultural brasileira. “Hoje a capoeira está presente em mais de 160 países”, explica o professor Reinaldo Velasques.


Em 2008, a capoeira foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e em 2014 a roda de capoeira foi considerada patrimônio cultural imaterial da humanidade pela Unesco.



Após a palestra, os alunos e servidores foram convidados a participar de uma roda de capoeira.

 

Para visualizar PDF você precisa do Adobe Reader: Clique aqui para baixar.